Fazer trinta anos é aquele sinal que a vida dá pra gente que o nosso tempo está correndo, que o sucesso já deveria ter chegado e que o esforço pra manter a vida estabilizada tem que ser maior. É hora de continuar trabalhando duro naquilo que escolheu e nem pensar em se arriscar. Certo? Errado! Fazer três décadas de existência pode parecer assustador, mas pode ser a porta de entrada para dar a merecida reviravolta que a sua vida precisa. O que assusta realmente não é a idade, mas a forma com que o tempo passa. Sendo assim, o melhor jeito de cuidar da crise dos trinta anos é buscar maneiras de aproveitar melhor o seu tempo, fazendo aquilo que vai te fazer bem e colocar o seu destino nos trilhos outra vez. É o momento de questionar o mundo à sua volta, buscar solução para o que não está se encaixando e transformar o seu futuro.

             Quando surgem perguntas como “o que estou fazendo com a minha vida?”, “o que conquistei até agora”, “o que vou fazer pelo resto da minha vida” e “como será a minha vida quando eu tiver 40 anos?” e bate aquela insegurança em relação ao futuro, o melhor a fazer é reavaliar suas escolhas pessoais e buscar formas de se sentir mais motivado a buscar novas experiências e oportunidade. Encontrar novos caminhos é crescer. Mesmo que seja difícil no início, o resultado pode ser uma visão de mundo totalmente diferente da que estava sendo vista antes, cheia de autoconhecimento e coragem para recomeçar. Ter trinta anos é apenas o início de uma vida que pode ser repleta de realizações.

             Aqui na Kiwi a gente valoriza muito quem tem a coragem de reconhecer que nunca é tarde para mudar de vida e fazer um novo começo. Seja aos vinte, aos trinta, aos quarenta ou em qualquer etapa da vida. Por isso buscamos pessoas que queiram se reinventar para fazer parte da nossa família. Gente que joga tudo pro alto e já se prepara para segurar com as mãos a oportunidade que cair. Gente que veste a camisa da mudança e representa a gente com brilho nos olhos e uma vontade gigante de mudar o mundo. Buscar um sentido para sua vida e encontrar um propósito para ela é muito importante nesse processo, já que a partir daí você pode transformar não só a sua vida, mas a de muita gente também. Fazer a diferença é uma das primeiras paradas do caminho da felicidade. Precisa de ajuda para se reinventar? Vem com a gente! Existe um marzão de possibilidades esperando por você.