Sempre que pensamos em investir surge uma dúvida: como escolher negócios com retorno rápido?

A primeira coisa que precisamos ter em mente na hora de investir é qual a forma de investimento que queremos fazer. Se a ideia é ter um negócio próprio, por exemplo, é importante pensar em áreas de afinidade.

Nos primeiros momentos da empresa, o dono também é a pessoa que coloca a mão na massa. Por isso é importante ter conhecimento sobre a área a ser investida.

Dito isso, vamos ver alguns modelos de negócios com retorno rápido?

1. Personal Chef

Se você é um mestre na cozinha, conhece pratos variados e sempre está por dentro das novidades, atuar como personal Chef pode ser um caminho interessante.

Esse trabalho consiste em ir na casa dos clientes e cozinhar para eles, é o que podemos chamar de Chef a domicílio. O serviço está em alta, principalmente em ocasiões especiais, como um jantar romântico para comemorar o aniversário de casamento.

Além de não exigir o investimento em um espaço físico, essa profissão ainda permite negociar diretamente com os clientes.

E tem mais: é possível promover o trabalho com parceria de promotores de eventos e divulgações nas redes sociais.

2. Comida caseira / artesanal

Você realmente sabe cozinhar, tem receitas especiais, mas não gostou da ideia de ir na casa de outra pessoa para trabalhar? Então, outra opção, também na área alimentícia, é a produção de alimentos caseiros.

Existem aqui duas opções de negócios com retorno rápido: a produção de doces, em especial de bolos e cupcakes, e os produtos artesanais.

No caso dos bolos e cupcakes o que vale é a criatividade. Quanto mais bonito — e gostoso! —, mais dinheiro você fará. A ideia é explorar a individualidade, mostrando que cada produto é único e que cada cliente tem o seu.

Já os produtos artesanais seguem a mesma lógica da individualidade, mas a ideia aqui é mostrar que só você consegue produzir esse tipo de alimento. Escolha uma receita que você domina e a maioria das pessoas gostam, coloque em uma compota e cole um selo de produção artesanal!

Nos dois casos o investimento que será feito é apenas nos ingredientes — a menos que você não tenha os utensílios domésticos. Outro detalhe é que a produção é guiada pelo pedido dos clientes, ou seja, encomendam o produto e só depois você gasta com os ingredientes.

Dica: que tal fazer algo nesse estilo, mas voltado para a alimentação saudável? É uma possibilidade também, tudo depende da sua criatividade.

3. Personal Trainer

Seguindo a onda fitness do momento, a profissão de Personal Trainer está em alta. É comum ver a presença desse profissional nas academias, condomínios e circuitos públicos de cooper.

Na busca de melhor saúde, as atividades físicas têm sido buscadas ao redor do Brasil. Com isso, se você tem conhecimento sobre a prática de atividades, essa pode ser uma área interessante para se investir.

O custo inicial é baixo, sendo necessário comprar apenas alguns equipamentos essenciais, como corda para pular, escada de circuito e outros itens semelhantes.

Entretanto, existe ainda a possibilidade de trabalhar como Personal Trainer dentro de condomínios. Esse público é interessante para o profissional pois, além de já terem os equipamentos para o treino dentro da academia do condomínio, o Personal Trainer pode conseguir novos alunos durante sua atuação.

Vale lembrar que essa opção só é válida caso você tenha o conhecimento necessário para isso, certo? Até porque as pessoas só vão te contratar se você for realmente capacitado para a função.

4. Aulas de esporte coletivo

Personal Trainer não é a única opção para quem gosta de praticar exercícios físicos e quer trabalhar com isso. Existem outras áreas de atuação como, por exemplo, dar aulas em esportes coletivos.

Imaginemos que você conheça os fundamentos e saiba praticar algum esporte coletivo — basquete, futebol, vôlei, handball etc. Você saberia ensinar para outras pessoas como jogar?

Nesse caso seria um trabalho de orientador, ou treinador, com o objetivo de ajudar as pessoas a melhorarem na prática do esporte. E, por serem esportes coletivos, é necessário dar suporte a todos os participantes.

Isso tudo parece muito trabalho, mas qual a vantagem? Existem três benefícios nesse investimento. A primeira é que o valor a ser investido é baixo, sendo necessário apenas comprar algumas bolas e cones.

A segunda vantagem é que, por ser um esporte coletivo, o valor individual que cada aluno paga é menor que o cobrado pelo Personal Trainer, mas o valor recebido por aula, pelo instrutor, é muito maior, já que são, ao menos, dez pessoas pagantes por vez.

E, por fim, a última vantagem está relacionada ao local da prática: o serviço pode ser ofertado exclusivamente para condomínios que possuam quadra, garantindo assim um contingente em cada condomínio.

5. Franquias

Se você não quer ter o trabalho de criar um tipo de negócio, preferindo optar por opções mais consolidadas no mercado, é sempre possível investir em franquias.

As franquias requerem um investimento inicial maior que os outros aqui citados, podendo variar de 20 a 500 mil. Esse valor está relacionado diretamente à rentabilidade da franquia.

A maior parte das franquias tende a se pagar no período de 24 a 36 meses, mas algumas surpreendem e o retorno aparece nos primeiros 6 meses após o investimento.

E a melhor parte? Você pode escolher a franquia que mais combina com seu perfil. Pode ser de alimentação saudável — vendendo sucos, refeições, etc. —, pode ser de artigos esportivos — do esporte que você preferir — e até artigos de moda — com algumas marcas já consagradas.

A vantagem de investir em uma franquia é que ela apresenta um modelo de empreendimento estável, com grandes possibilidades de crescimento.

Outra vantagem é que as franquias costumam ter um padrão de produção e atendimento, logo, investir em uma franquia é também investir em sua operacionalização, ou seja, nada de ficar esquentando a cabeça com cada detalhe que precisa ser feito.

A ideia de fazer um investimento apenas pelo retorno financeiro é tentadora, mas é importante sempre considerar o que você gostaria de estar fazendo. Lembre-se: no início, quem vai trabalhar, quem vai ter contato com os clientes e com os produtos, será você.

Por isso, na hora de escolher no que investir, é preciso pesar a possibilidade de ganhar um capital maior com o seu bem-estar no trabalho. Decidido isso, o resto depende do empenho para ter negócios com retorno rápido.

Por fim, temos mais uma dica para você. Se você ficou interessado em abrir uma franquia, conheça os diferenciais de ser um franqueado!